COLUNISTAS  
 
15/08/2017 - Atualizado em 15/08/2017
A despedida da lenda Usain Bolt
O “Raio” que caiu diversas vezes no mesmo lugar, sai de cena deixando marcas que talvez nunca sejam superadas
Por André Santos
 

 

 

Usain Bolt e seu famoso gesto da vitória que foi tão repetido em sua carreira

 

Talvez eu seja um tanto suspeito pra falar sobre Usain Bolt, afinal, sempre fui fã declarado desta lenda do esporte mundial. Mas por outro lado, as palavras de um fã são mais sinceras do que as de um jornalista.

Usain St. Leo Bolt, Nascido numa pequena cidade da Jamaica, seus pais Wellesley e Jennifer Bolt tinham um pequeno mercado na área rural.

A esta altura, jamais imaginava que fosse se tornar a lenda que se tornou. Gostava de críquete mas mostrou talento pelo atletismo aos 12 anos e seu técnico na escola primária insistiu para que ele voltasse suas atenções ao atletismo.

Abençoado seja este técnico! Acredito que hoje ele deva estar tão realizado quanto o próprio Bolt.

Foram tantas as conquistas e marcas históricas alcançadas por este “cara de outro mundo” que este artigo ficaria cansativo e monótono. Prefiro me apegar ao legado deixado por esta lenda.

 

 

Milhões de pessoas tiveram o privilégio de ver essas marcas serem batidas, recordes sendo quebrados, adversários entrando na pista apenas para presenciar de perto o que estava por acontecer.

Imagine quantas crianças e adolescentes ao redor do mundo, neste momento estão se inspirando e querendo ser como Usain Bolt.

Isso sem falar em suas marcas, que talvez nunca sejam batidas. Digo “talvez” pois nunca se sabe o que o futuro nos reserva, mas os tempos a serem batidos estão perto do limite humano e para que sejam quebrados, será preciso surgir alguém que vá além e esteja acima de Usain Bolt. Alguém se candidata?

Logo após ser ovacionado em Londres, onde disputou seu último campeonato mundial, ele mesmo disse: “Agora estou livre, quero apenas viver a vida”.

Pois que viva a vida fora das pistas, tão intensamente quanto viveu dentro delas. Será um descanso mais do que merecido.

Por: André Santos

Jornalista Esportivo - Fundador do Mural do Esporte

 

 

 
 
veja também
Super Dica com Dr. Daniel Artiaga: Conheça a Glutamina
Turma do Pedal com: Sandro Gallo
Super Dica com Dr. Daniel Artiaga: Recuperação pós treino
Vida e Esporte com Gleison Begalli: A verdadeira festa do esporte brasileiro
COMENTÁRIOS

(17) 99603-9669 | redacaome@gmail.com

O jornal Mural do Esporte é uma iniciativa do seu fundador, André Santos.

Mural do Esporte - Copyright ® 2017, Maquinaweb Soluções em TI - Todos os direitos reservados. All rights reserved.